Alive Inside: A música cria conexões inquebráveis

A música é uma linguagem que está presente na sociedade há muitos anos, existem registro de instrumentos tão antigos quanto a humanidade. Quando pensamos em música, nós nos conectamos com nossas emoções e os nossos sentidos mais primitivos.

Em 2011, Dan Cohen e o cineasta Michael Rossato-Bennet ligaram as lentes da câmera para registrar um documentário emocionante Alive Inside: A Story of Music & Memory Featurette publicado em 2014. No filme relataram a realidade de algumas vidas que estavam esquecidas nos EUA, os idosos. Pessoas que viviam isoladas dentro de Asilos, distantes da família e alguns se encontravam distantes de si próprios por estarem com distúrbios mentais que afetavam a memória.

No documentário registraram depoimentos de idosos que viviam estágios avançados de demência, Alzheimer, esquizofrenia, bipolaridade e isolamento e como eles trouxeram alivio a essas pessoas por meio da música. 

Henry, é uma das histórias registradas neste projeto, veja o vídeo:

Após ver o vídeo é impossível não fazermos algumas perguntas para tentar explicar o que aconteceu com o Henry ou o que acontece com a gente quando ouvimos uma música.  

Perceba que a música ao entrar pelos nossos ouvidos acaba desencadeando várias conexões neurais no nosso cérebro, nos permitindo identificar os sons e criarmos memórias vivas e intensas a ponto de nos emocionarmos. E é uma experiência que costuma ser muito gratificante para os nossos sentidos, tanto que nem o tempo e nem as doenças são capazes de apagar o que vivenciamos.

A música é mais do que um conjunto de sons chega a ser um antídoto para a nossa alma, pois consegue alcançar os lugares mais profundos da nossa consciência. Assista:

O mais fascinante desta linguagem é saber que um austríaco da comunidade de aborígene, um ucraniano ou um argentino mesmo não sabendo português, se escutassem “Vou festejar” da brasileira Beth Carvalho, saberiam que aquele som se trata de música. Então talvez, a música já esteja dentro de nós.

Conheça mais sobre Música e Memória acessando o site: https://musicandmemory.org/